França pede que Abbas não abandone liderança da ANP

O ministro das Relações Exteriores da França, Bernard Kouchner, pediu hoje ao presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, que não desista do cargo. Kouchner, que em poucos dias visitará Israel e os territórios ocupados palestinos, declarou que, "antes de tudo, o presidente palestino não deve renunciar". Abbas anunciou na semana passada que não concorreria a um novo mandato à frente da ANP nas eleições convocadas para janeiro em razão da dificuldade para recolocar nos trilhos o processo de paz entre palestinos e israelenses.

AE-AP, Agencia Estado

10 Novembro 2009 | 09h43

O chanceler francês afirmou hoje à rádio France-Inter que viajará ao Oriente Médio "nos próximos dias" para conversar com Abbas e outros líderes regionais. A França tem buscado usar seus contatos na região para recolocar o processo de paz em andamento. O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e o presidente da Síria, Bashar Assad, visitarão Paris esta semana.

Mais conteúdo sobre:
Palestina Kouchner Abbas presidência

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.