França prende seis suspeitos de ligação com rede jihadista

Autoridades francesas detiveram seis pessoas na região de Toulouse, suspeitas de envolvimento em uma rede para enviar combatentes islâmicos ao exterior.

Estadão Conteúdo

08 de fevereiro de 2015 | 11h34

A ação, realizada na manhã deste domingo, foi a mais recente varredura a suspeitos radicais islâmicos desde os atentados realizados há cerca de um mês e que deixaram 20 mortos, incluindo os três extremistas franceses que comandaram os ataques.

O ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve, disse que as seis pessoas detidas neste domingo próximo às cidades de Toulouse e Albi, no sul da França, estão sob custódia. Ele afirmou em um comunicado que elas foram detidas como parte de uma investigação sobre terrorismo e suspeitas de envolvimento em uma rede jihadista.

Cazeneuve não indicou se havia alguma ligação dos detidos com os homens por trás dos ataques de janeiro. Fonte: Associated Press

Tudo o que sabemos sobre:
Françajihad

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.