França: presença na eleição é alta, mas não supera 2007

Nas eleições presidenciais da França, 70,59% dos eleitores haviam ido às urnas do país até perto das 17 horas (horário local) deste domingo, ante 73,87% que já haviam votado até o mesmo horário em 2007, segundo o Ministério do Interior. Naquele ano, 83,77% dos eleitores haviam votado no primeiro turno, a terceira maior proporção desde a reforma de 1962, do sufrágio universal.

NALU FERNANDES, Agência Estado

22 de abril de 2012 | 13h56

Apenas em 1974 e em 1965 houve mais eleitores indo às urnas, com taxa de participação no primeiro turno de 84,23% e 84,75%, respectivamente, nas eleições de Valery Giscard d''Estaing, em 1974, e Charles de Gaulle, em 1965. O voto na França não é obrigatório.

No horário local, as urnas abriram às 8 horas e vão fechar, na maioria, às 18 horas e, em grandes cidades, como Paris, às 20 horas. Se nenhum dos candidatos obtiver mais da metade dos votos neste domingo, haverá segundo turno em 6 de maio. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesFrança

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.