França vai propor legalização do casamento homossexual

Primeiro-ministro afirmou que projeto de lei será enviado ao Parlamento para aprovação

AE, Agência Estado

25 de agosto de 2012 | 15h53

O primeiro-ministro da França, Jean-Marc Ayrault, disse neste sábado, 25, que o governo vai enviar ao Parlamento um projeto de lei que legaliza o casamento entre pessoas do mesmo sexo. No final da década de 1990, a França foi um dos primeiros países a legalizar as parcerias de pessoas do mesmo sexo, dando aos casais homossexuais a maioria dos direitos e obrigações de casais heterossexuais, exceto o direito de adoção.

Discursando durante a convenção anual do Partido Socialista Francês em La Rochelle, Ayrault disse que "em outubro, enviaremos um projeto à Assembleia Nacional e ao senado para permitir que casais do mesmo sexo se casem. O projeto também permitirá que eles formem famílias e adotem crianças".

A legalização do casamento entre homossexuais foi uma das promessas feitas pelo socialista François Hollande em sua campanha à eleição presidencial francesa. De acordo com várias pesquisas de opinião, a maioria dos franceses aprova a legalização dos casamentos entre pessoas do mesmo sexo, mas apoio ao direito à adoção, embora também seja majoritário, não é tão grande.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.