Fumaça e cinzas de incêndio chegam às praias portuguesas

Os incêndios florestais que se espalham por colinas arborizadas no sul de Portugal lançaram uma cortina de cinzas e fumaça sobre os resorts na costa, locais que estão entre os destinos turísticos mais populares da Europa. A fumaça encobriu o sol para milhares de banhistas nas praias do Algarve, especialmente nas cidades de Portimão, Lagos e Albufeira. Flocos de cinza pousavam sobre as mesas de cafés e restaurantes nas calçadas.O fogo se encontra a 10 km da costa e as autoridades afirmam que as áreas turísticas não correm perigo. Apesar disso, os hotéis e agências de viagens informam que muitos estrangeiros decidiram partir mais cedo, ou se mudaram para hotéis mais distantes da fumaça.O número de mortos em duas semanas de incêndio chegou a 17, com a morte de um homem que se encontrava hospitalizado, depois de sofrer queimaduras graves. O fogo consumiu uma área recorde de 215.000 hectares, quase igual à superfície de Luxemburgo.Veja galeria de fotos

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.