Funcionário iraniano admite que Teerã forneceu mísseis ao Hezbollah

De acordo com o jornal israelense Haaretz, um funcionário do governo iraniano admitiu nesta sexta-feira que Teerã realmente forneceu mísseis de longo alcance do tipo Zelzal-2 ao Hezbollah. É a primeira vez que o fornecimento é admitido por um iraniano. Mohtashami Pur, que já foi embaixador no Líbano, e atualmente ocupa o cargo de secretário-geral da "Conferência da Intifada", disse a um jornal iraniano que o Irã forneceu mísseis à milícia xiita. Além disso, Mohtashami disse que o Hezbollah tem a bênção de seu país para usar os mísseis na defesa do Líbano.A declaração do iraniano era inesperada, já que Teerã sempre foi relutante em comentar qual seria o tipo de apoio dado ao Hezbollah.O líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah, alertou na quinta-feira que a organização iria bombardear Tel-Aviv se Beirute fosse atacado por Israel. Mesmo assim, o país judeu intensificou os bombardeios em Beirute nesta sexta-feira. O alcance dos mísseis iranianos do tipo Zelzal está estimado em 210 quilômetros. Tal alcance permite ao Hezbollah atingir áreas ao norte de Tel-Aviv, a maior cidade israelense.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.