Fundo de Lady Di perde causa e congela ajuda humanitária

O Fundo em Memória da Princesa Diana decidiu congelar todas as suas ajudas humanitárias, em conseqüência de graves problemas financeiros. A entidade que apóia atualmente cerca de 120 causas - entre as quais a luta contra minas terrestres e o combate à aids - perdeu causa milionária na Justiça americana. Deverá pagar US$ 5,7 milhões à empresa Franklin Mint. O Fundo havia processado a companhia por explorar comercialmente a princesa, fabricando bonecas e utensílios com o nome dela. A empresa classificou a acusação de improcedente e pretende, ainda, processar o fundo por danos morais e outros prejuízos, pedindo indenização de mais de US$ 16 milhões. "Diante disso, é impossível exercer nosso trabalho, pelo menos por enquanto", disse um porta-voz da entidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.