Furacão Earl chega ao Caribe e ameaça EUA

O furacão Earl atingiu o nordeste do Caribe nesta segunda-feira, quando se tornou um furacão de categoria 3 e tomou uma rota que pode ameaçar o leste dos Estados Unidos ainda nesta semana. O Centro Nacional de Furacões, sediado em Miami, nos EUA, informou que Earl já e um grande furacão, com ventos sustentados de 120 quilômetros por hora e deve continuar ganhando força.

AE-AP, Agência Estado

30 de agosto de 2010 | 14h20

"Cidades a partir da Carolina do Norte até o Maine devem observar o sistema com atenção", disse Jessica Schauer, meteorologista do centro de furacões. A previsão indica que Earl deve seguir para o norte do Caribe, então tomar uma rota quase paralela à costa leste dos Estados Unidos. O centro de furacões disse que ainda é cedo para dizer quais efeitos Earl provocará em território norte-americano.

Tudo o que sabemos sobre:
furacãoEarlCaribeEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.