Furacão Frances destrói o sudeste das Bahamas

O furacão Frances arrasou, nesta sexta-feira, o sudeste das Bahamas com ventos violentos e ondas que chegavam a 4,5 metros. O ciclone dirige-se para as principais cidades do arquipélago e, posteriormente, para a Flórida. Ventos de mais de 193 quilômetros por hora castigaram a ilha de San Salvador. Em Long Island, os serviços de energia elétrica e telefonia tiveram de ser suspensos. Segundo funcionarios locais, o furacão arrancou o telhado de uma escola de Long Island; enquanto moradores afirmam que até o momento houve graves danos materiais na região. O primeiro-ministro de Bahamas, Perry Christie, disse que é fundamental que a população permaneça calma, mas advertiu que esse é o furacão mais forte da história do arquipélagos.A maioria das construções da região são de concreto, pedras e outros materiais pesados para resistir aos ventos de até 200 Km/h. No entanto, os bahameses pretendem reforçar as estruturas, uma vez que o Frances chegou a ter 217 Km/h. Frances já perdeu um pouco de sua velocidade, o que tem preocupado especialistas. ?Quando o furacão perde velocidade, generalmente significa que ele está se fortalecendo?, disse presidente da Cruz Vermelha de Bahamas, Gerald Sawyer.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.