Furacão ganha força nos EUA e alcança categoria dois

O furacão Arthur ganhou força e alcançou a categoria dois no fim da tarde de hoje, informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA. A escala possui categorias de um a cinco, sendo que em dois o centro alerta para ventos extremamente perigosos, com dano extensivo.

AE, Agência Estado

04 de julho de 2014 | 00h18

O furacão, que se aproxima da costa leste dos EUA mas que permanece sobre o mar, registra ventos de 161 quilômetros por hora. O furacão está localizado 90 quilômetros a nordeste de cabo Fear e 165 quilômetros a sudoeste de cabo Hatteras. Ele se move a 24 quilômetros por hora.

Segundo o Centro Nacional de Furacões, há pouca possibilidade de mudança na força entre a noite de hoje e amanhã, sendo que a tempestade deve começar a se enfraquecer na noite de sexta-feira.

Milhares de moradores tiveram que deixar suas casas na Carolina do Norte e abandonar os planos para a comemoração do feriado nacional de 4 de julho. Algumas cidades da costa leste também tiveram que reprogramar os fogos de artifício pela ameaça da tempestade.

"Nós não sabemos com certeza se o centro exato do Arthur irá passar sobre a terra ou não. As chances estão aumentando para que isso ocorra nas últimas previsões", afirmou Rick Knabb, diretor do Centro Nacional de Furacões em Miami. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Euafuracão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.