Furacão Ike perde força e é rebaixado para categoria 1

O furacão Ike, que chegou hoje à costa do Texas, enfraqueceu-se para a categoria 1, segundo informação do Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos. O olho do furacão atingiu a região de Galveston com ventos de 177 quilômetro por hora e na categoria 2. Segundo informações do Centro Nacional de Furacões, o Ike continua a provocar chuvas pesadas e ventos fortes, mas que se enfraqueceram para 145 quilômetros por hora. Os meteorologistas prevêem perda ainda maior de sua força com o avanço do olho do furacão mais para longe da costa. Mas deverá continuar com ventos característicos de furacão até a tarde de hoje.Várias regiões permanecem alagadas. Estima-se que a água tenha subido cinco metros na região da costa atingida pelo furacão e, possivelmente, até quase 7 metros nas baías e rios. A maré subiu para acima do normal, acompanhada por grandes e perigosas ondas, que ainda são esperadas na região ao leste do Texas e sudoeste de Louisiana, disse o Centro Nacional de Furacões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.