NOAA via AP
NOAA via AP

Furacão Katia ganha força e deve atingir o litoral do México

Mais de um milhão de pessoas em 152 cidades podem ser atingidas pela tempestade, que chegará ao país logo após terremoto atingir a costa do Pacífico

O Estado de S.Paulo

08 Setembro 2017 | 13h10

Horas depois de ter sofrido um terremoto de magnitude 8,1, que deixou ao menos 32 mortos, o México se prepara para a chegada do furacão Katia, que ganhou força nas últimas horas e deve atingir o Estado de Veracruz, na costa caribenha, na noite desta sexta-feira, 8, como um ciclone de categoria 2 na escala Saffir-Simpon, que vai até 5. 

A tempestade estava no início da tarde de hoje a 205 quilômetros do importante porto de Veracruz, com ventos de 155 km/h. Katia é o terceiro furacão em ação no Mar do Caribe, junto com o Irma, que ruma para a Flórida como um ciclone de categoria 4, e o José, também de categoria 4. 

O governo mexicano estima que o furacão afete também os Estados de Puebla, Hidalgo e Tlaxcala. O governador de Veracruz, Miguel Ángel Yunes teme cortes de energia. Mais de um milhão de pessoas em 152 cidades podem ser atingidas pela tempestade.

O México é um dos países mais vulneráveis a furacões e ao menos uma vez por ano uma tempestade costuma atingir a costa caribenha do país. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.