Furacão Lili ameaça costa do Golfo do México

Com ventos de até 193 quilômetros por hora, o furacão Lili recobrou força nesta quarta-feira e se dirigia à costa do Golfo do México, onde os residentes locais se preparam para a segunda tormenta tropical em apenas uma semana.Lili, o quarto furacão do ano, foi elevado nesta quarta para a perigosa categoria 4 e, além de ameaçar a população da área, provocou a suspensão da produção de gás natural e petróleo dos campos no Golfo do México e a paralisação da atividade de algumas refinarias no Texas e na Louisiana.Cerca de 330.000 habitantes dos condados texanos de Jefferson e Orange, na costa, receberam ordem de abandonar suas casas depois do surgimento de ondas de mais de 3 metros de altura. Os residentes das zonas costeiras da Louisiana preparavam suas casas e negócios ou se dirigiam a locais mais elevados, ao mesmo tempo em que o governador do Estado, Mike Foster, declarava estado de emergência.Na semana passada, a tormenta tropical Isidore atingiu a mesma zona, causando prejuízos de cerca de US$ 100 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.