Furacão mata um nas Bahamas

O furacão Frances passou pela maior cidade das Bahamas, destruindo as janelas de edifícios e dando origem a ondas de saques. Um homem morreu eletrocutado, tentando abastecer seu gerador. As ruas estavam praticamente vazias na cidade de Nassau, que fica na ilha de New Providence e é lar de Amis de dois terços da população do país. De 300.000. Árvores caídas e antenas parabólicas arrancadas dos telhados bloqueavam as estradas. Três barcos foram destruídos.Há informes esparsos de saques, diz a polícia, citando o caso de um homem que invadiu um posto de gasolina. Várias janelas de prédios do centro da cidade foram destruídas. A velocidade máxima dos ventos do furacão caiu de 233 km/h para 193 km/h durante a noite, o que levou os meteorologistas a reclassificar o Frances na categoria 3. Linhas telefônicas caíram nas ilhas de Abaco, Mayaguana e Atkins.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.