Furacão Paula ganha força e sobre para categoria 2

O furacão Paula ganhou força e se tornou um furacão de categoria 2 com ventos máximos sustentados de 160 quilômetros por hora na costa da Península do Yucatán, no México. Segundo o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos, sediado em Miami, o Paula estava se movendo a noroeste a cerca de 17 quilômetros por hora.

AE-AP, Agência Estado

12 de outubro de 2010 | 16h00

A tempestade estava a cerca de 220 quilômetros su-sudeste de Cozumel, no México, e seu centro deveria se aproximar da costa leste da Península do Yucatán na noite de terça-feira ou na quarta-feira.

Funcionários de emergência de Honduras pediram aos moradores de regiões costeiras que deixem áreas com risco de inundação. O México emitiu um alerta de furacão na medida em que fortes ventos e chuvas atingiram a costa caribenha do país.

Tudo o que sabemos sobre:
furacão PaulaMéxicoHondurasEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.