Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Futura primeira-dama vira amuleto fashion

Estilo de Michelle, que mistura roupas baratas e de designers arrojados, já está sendo imitado

Patrícia Campos Mello, Washington, O Estadao de S.Paulo

17 de janeiro de 2009 | 00h00

A Casa Branca prepara-se para receber o estilo "Jackie Kennedy popular" da nova primeira-dama, Michelle Obama, depois de anos dominada por designers convencionais, como Oscar de La Renta e Carolina Herrera, os preferidos de Laura Bush. Michelle mostra-se sensível à crise econômica e costuma misturar roupas baratas de lojas como Gap, J Crew e H&M com designers arrojados, como Narciso Rodriguez e Thakoon Panichgul, além de sua estilista de Chicago, Maria Pinto. Caro ou barato, não importa. Michelle é um amuleto fashion - tudo o que ela usa, vende. No ano passado, depois de aparecer em um programa de entrevistas usando cardigã amarelo e blusa e saia de seda estampadas da J Crew, o conjunto esgotou em 48 horas nas lojas. Foi a mesma coisa com o vestidinho listrado de US$ 34,90 da H&M, que ela usou em setembro. Mesmo suas opções mais salgadas voam das prateleiras: na semana passada, com um frio de -15°C, a fila da liquidação da loja de Maria Pinto em Chicago dobrava o quarteirão. Um vestido da estilista sai por US$ 1 mil - ou US$ 500 na promoção. Na internet, multiplicam-se sites que acompanham avidamente os figurinos da senhora Obama. As primeiras-damas, geralmente, escolhem estilistas convencionais ou de seus Estados para o baile da posse.Na primeira posse do marido, em 2001, Laura Bush usou um vestido de renda vermelha do texano Michael Faircloth. Na segunda, em 2005, ela foi ao baile com um Oscar de La Renta. Nancy Reagan usou um hollywoodiano vestido de um ombro só. Rosalynn Carter quase matou os fashionistas do coração: ela repetiu o vestido usado na posse de Jimmy Carter como governador, seis anos antes. Do alto de seu 1,80 metro de altura e porte atlético, Michelle não tem medo de ousar, como na escolha do vestido vermelho e preto do estilista cubano-americano Narciso Rodriguez, que ela usou na noite da eleição. Há muita especulação sobre a grife que ela usará no baile da posse. Será que ela vai optar por Maria Pinto, por algum designer emergente ou um estilista convencional? Será uma grande honra para o escolhido, porque o vestido da posse vira peça de museu - entra para o acervo da Coleção das Primeiras-Damas do Smithsonian.Ainda não se sabe quem vai cuidar dos cabelos de Michelle em Washington. Para a posse, ela fez questão de trazer Michael Rahni Flowers, o cabeleireiro de Chicago que arrumou seu cabelo em datas especiais, como seu casamento e a noite da eleição.Muitos cabeleireiros locais têm esperança de cair nas graças da nova primeira-dama. Necip, do salão Toka Salon, fazia o cabelo de Laura Bush e de suas filhas. Recentemente, penteou uma prima de Obama. "Fiz chapinha e ela gostou muito", contou ao Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.