G-20 chega a acordo sobre indicadores de desequilíbrio

Os ministros da Finanças do Grupo dos 20 (G-20) chegaram a um acordo sobre cinco indicadores para medir desequilíbrios na economia global, disse uma fonte. Os indicadores incluem uma combinação de balanço em conta corrente, taxa de câmbio, reservas estrangeiras, dívida pública e poupança privada.

AE, Agência Estado

19 de fevereiro de 2011 | 12h27

O critério de conta corrente foi modificado para acomodar a China, disse a fonte. O indicador vai excluir agora algumas receitas de juros obtidas com as reservas internacionais, acrescentou. Os indicadores econômicos comporiam um sistema de alerta sobre distorções perigosas para a economia global. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
G-20acordoeconomiaglobal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.