G-7 ameaçará Rússia com sanções, diz fonte

O grupo das sete nações mais industrializadas do mundo, conhecido como G-7, está preparando uma ameaça formal com sanções contra a Rússia caso Moscou insista em atrair uma região ocupada na Ucrânia ainda mais para dentro de sua órbita, afirmou um oficial europeu a par das discussões.

AE, Agência Estado

12 de março de 2014 | 02h37

O G-7, formado por Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Reino Unido e EUA, está avaliando uma declaração que censuraria a anexação da Crimeia à Rússia como uma violação aos princípios internacionais e que determinaria sanções, afirmou a fonte.

Em 2 de março, um documento do grupo condenou as ações da Rússia na Ucrânia e destacou que os países interromperiam os preparativos para o encontro do G8, que inclui a Rússia.

A Casa Branca e o Departamento do Tesouro dos EUA não se pronunciaram imediatamente sobre o assunto. Os moradores da Crimeia devem participar de um referendo no domingo para decidir se a região irá se anexar ao território russo. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Rússiaucrâniag7

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.