Garota que denunciou bullying é encontrada morta

Uma adolescente canadense de 15 anos foi encontrada morta na última quinta-feira, apenas algumas semanas depois de ter publicado na internet um vídeo no qual relata como anos seguidos de bullying a levaram ao álcool e às drogas. A polícia da província canadense de Colúmbia Britânica trata o caso como suicídio.

AE, Agência Estado

12 de outubro de 2012 | 16h53

A primeira-ministra da Colúmbia Britânica, Christy Clark, divulgou mensagem nesta sexta-feira lamentando a morte da jovem A. T. e denunciando o bullying. A médica-legista Barb McLintock disse que os indícios iniciais indicam que a adolescente suicidou-se.

Em um vídeo de nove minutos de duração divulgado na internet em 7 de setembro, sem dizer nenhuma palavra, A. T. relata o caso de assédio e suas consequências por meio de uma série de anotações exibidas para a câmera. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Canadábullyingmorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.