Garoto de 16 anos é condenado a sete anos de prisão

Um garoto de 16 anos foi sentenciado, nesta quinta-feira, a sete anos de detenção em um reformatório de jovens após ser declarado culpado de assassinar um colega de classe no ano passado.O assassino, que não teve seu nome revelado, disse chorando à corte, após a sentença ser ditada, que ele sabia que era culpado, mas acrescentou que "não pretendia matá-lo, nem passou pela minha mente que isso poderia acontecer".Promotores disseram que o garoto de 16 esfaqueou sua vítima duas vezes, e com tanta força que a lâmina atravessou o tórax do garoto de 14 anos. Os dois eram colegas de classe em uma escola politécnica na capital da Áustria. O motivo do assassinato ainda não está claro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.