Garotos morrem ao tentar imitar execução de Saddam

Ao tentar imitar a execução de Saddam Hussein, garotos de nove a doze anos, de diversos países, morreram ou ficaram gravemente feridos após assistirem às imagens do enforcamento que foram divulgadas pela internet.Fontes ligadas ao governo e parentes disseram que as crianças pareciam imitar a forma de como Saddam foi executado no dia 30 de dezembro, a após o vídeo ser transmitido pela internet.Um dia após a execução de Saddam, um garoto de 10 anos, que residia no Texas, se enforcou após assistir à notícia da execução de Saddam. A polícia de Houston disse que o garoto, Sergio Pelico, amarrou uma corda em seu pescoço e saltou de sua cama, mas não tinha nenhum motivo para fazer isto.Segundo o tio de Pelico, o garoto não pensava que a execução era real. "Eles mostraram a corda sendo colocada no pescoço de Saddam na TV. Por que mostraram isso?".Algo similar aconteceu na Turquia, onde o garoto de 12 anos, Alisen Akti, viu a execução pela TV e se enforcou em seguida.Já no Paquistão, um garoto de nove anos chamado Mubassahr Ali colocou uma longa peça de roupa ao redor de seu pescoço para imitar a execução de Saddam e morreu algumas horas depois, segundo o policial local Sultan Ahmed Chaudhry.No Yemên, pelo menos dois garotos morreram e outra ficou ferida após tentativa de imitar a execução do ex-ditador. Em um caso na Arábia Saudita, um garoto de doze anos foi encontrado por seu irmão em frente a uma porta, com uma corda em seu pescoço, segundo o jornal OkazAs imagens, aparentemente feitas por câmeras de celulares, vazaram por diversos sites na internet e o momento da morte do ex-ditador comoveram muitas pessoas ao redor do mundo.Os especialistas disseram que estas imagens podem causar diferentes reações em jovens que não entendem ainda as conseqüências da morte e violência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.