Gates pede revisão de orçamento militar de 2010

O secretário de Defesa dos EUA, Robert Gates, apresentou ontem ao Congresso americano uma ousada proposta de revisão do orçamento militar para 2010. Ele defendeu o aumento de recursos para as estratégias de guerra não convencional, como as do Iraque e do Afeganistão, em vez do financiamento de programas voltados para rechaçar apenas a ameaça de grandes potências rivais. "Se forem aprovadas, estas recomendações mudarão profundamente a maneira como este departamento funciona", anunciou. Para ele, "os EUA devem reequilibrar suas forças e suas capacidades militares para enfrentar as guerras do presente e do futuro". O valor total do orçamento é de US$ 534 milhões e, considerada a variação inflacionária, não representa aumento em relação ao plano anterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.