Gato de estimação vai 'concorrer' ao Senado

A corrida eleitoral para o Senado americano pelo Estado da Virgínia ganhou um "concorrente" interessante: o gato de estimação Hank. A campanha falsa já tem perfil no Facebook e manifesto oficial. Um dos problemas seria a idade mínima de 30 anos para a candidatura. Hank, nascido em 2003, teria "52 anos em idade felina", alegam os militantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.