Gays de Taiwan exigem direitos iguais

Cerca de 3 mil homossexuais esimpatizantes participaram hoje de uma passeata do orgulhogay em Taipé, Taiwan, para reivindicar igualdade de direitos comos heterossexuais. Eles cobraram do presidente Chen Shui-bian a promessa delegalização do casamento homossexual. "O presidente promoveu, em2001, uma Ata Básica de Direitos Humanos que legaliza a uniãoentre gays e a adoção de crianças, mas não a transformou em lei" disse o escritor Hsu You-sheng. Se a lei fosse aprovada, Taiwanseria o primeiro país asiático a permitir o casamento gay.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.