Gaza: Explosão danifica barco que faria viagem simbólica

Uma explosão danificou nesta terça-feira uma embarcação que se preparava para protagonizar uma viagem simbólica partindo da Faixa de Gaza com destino à Europa.

AE, Agência Estado

29 de abril de 2014 | 15h25

O barco estava atracado na costa de Gaza quando foi atingido pela explosão na manhã de hoje, disse o ativista palestino Mahfouz Kabariti.

"Você pode afundar um barco, mas não pode afundar um movimento", comentou Kabariti, sugerindo tratar-se de sabotagem.

A embarcação zarparia em breve com destino à Europa com o objetivo de chamar a atenção para o bloqueio naval imposto por Israel à Faixa de Gaza.

As fronteiras de Gaza estão totalmente fechadas desde junho de 2007, quando o grupo islâmico Hamas assumiu o controle total do território.

Israel intensificou o bloqueio em novembro de 2008, quando ocorreram novos confrontos entre israelenses e palestinos na região.

Israel ocupou a Faixa de Gaza durante quase quatro décadas até retirar-se em setembro de 2005, quando desmantelou todos os seus assentamentos judaicos e bases militares mantidos na região e saiu do território palestino litorâneo no âmbito de uma iniciativa unilateral do então primeiro-ministro Ariel Sharon.

Entretanto, Israel manteve o controle sobre as fronteiras terrestres, o espaço aéreo e as águas territoriais de Gaza. O governo israelense autorizou a Autoridade Nacional Palestina (ANP) a operar um terminal na fronteira com o Egito, mas a passagem também foi fechada depois da tomada de poder pelo Hamas.

Israel alega que o bloqueio tem como objetivo impedir que o Hamas tenha acesso a armas. Ativistas denunciam que o bloqueio representa punição coletiva. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.