General Cardoso diz que medidas de segurança estão em vigor

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Alberto Cardoso, disse há pouco que conversou com o presidente Fernando Henrique Cardoso logo após o início dos ataques do governo norte-americano a cidades no Afeganistão. Segundo o general, o presidente, que se encontra no Palácio da Alvorada, já havia sido informado do episódio e ainda não havia marcado nenhuma reunião do governo brasileiro. O general Cardoso explicou que embora ainda não existam novas diretrizes do governo brasileiro em decorrência dos ataques, as medidas já tomadas pelo País, como reforço na segurança dos aeroportos e da área de inteligência, que deve estar atenta ao repasse de qualquer tipo de informação, continuam em pleno vigor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.