General da guerra no Iraque decide se aposentar

O general Tommy R. Franks, que comandou as forças americanas no Afeganistão e no Iraque, decidiu se reformar, depois de 36 anos nas Forças Armadas. Ele não anunciou seus novos planos, e a Casa Branca não disse quem será o novo responsável pelo comando militar mais diretamente ligado à guerra contra o terrorismo.O principal assessor de Franks, o general John Abizaid, é visto como principal candidato para o trabalho, que envolve responsabilidade pelas atividades militares dos Estados Unidos em 25 países, da Ásia central à Eritréia, na África, passando pela Península Arábica.A comunidade militar já esperava a aposentadoria de Franks, depois que ele decidiu não aceitar o posto de chefe do Estado-Maior do Exército, que ficará vago em junho. O general não fez nenhum pronunciamento público hoje, mas em reportagem publicada segunda-feira na imprensa americana a mulher de Franks, Cathy, disse estar feliz porque ele havia ?escolhido se aposentar?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.