General denuncia violência de colonos

O comandante israelense encarregado da Cisjordânia, general Gadi Shamni, denunciou ontem o aumento dos atos de violência cometidos por colonos judeus contra os palestinos. Em entrevista publicada ontem pelo jornal Haaretz, Shamni disse que, "no passado, apenas algumas dezenas de pessoas" agiam com violência contra os palestinos, mas agora "são centenas". Mais de 300 mil colonos vivem no território palestino.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.