Geórgia passa o dia sem energia elétrica

Toda a ex-república soviética da Geórgiapassou esta segunda-feira sem energia elétrica e as autoridades locais tentam agora determinar as causas do blecaute.A transmissão de eletricidade foi interrompida em todo o país por volta das 7h00 locais. A Geórgia tem aproximadamente 4,4 milhões de habitantes. Às 22h00 locais, o fornecimento ainda não havia sido restabelecido em todo o território.Blecautes são relativamente comuns no país. Além disso, racionamentos são regularmente implementados para impedir problemas mais graves de fornecimento. Entretanto, esta foi aprimeira vez em dois anos em que todo o país foi atingido de uma vez."Estamos tentando descobrir o que houve", disse Medeya Kakhadze, assessora do ministro de Minas e Energia, Mamuka Nikolaishvili, enquanto a Telasi, fornecedora de energia em Tbilisi, a capital da Geórgia, recusou-se a comentar o episódio.O blecaute ocorre no primeiro dia de trabalho de Nikolaishvili como ministro das Minas de Energia e depois da recente venda de 75% de participação da norte-americana AES Corp. na Telasi paraa russa UES.Os moradores estão habituados com os blecautes e muitas famílias possuem geradores movidos a diesel. Hospitais e aeroportos possuem seus próprios sistemas de energia elétricapara eventuais emergências.Em Tbilisi, o metrô não funcionou durante a manhã e os trólebus não puderam circular, causando superlotação nos ônibus convencionais, com muitas pessoas penduradas nas portas. Muitos moradores da capital também ficaram sem água, já que suas bombas elétricas não funcionavam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.