Giuliani diz na TV que não sairá candidato em 2010

O ex-prefeito nova-iorquino Rudolph Giuliani não pretende concorrer ao governo do Estado norte-americano de Nova York nem a uma vaga no Senado dos Estados Unidos. Pelo menos foi o que ele mesmo disse em entrevista à emissora WABC-TV. Na conversa, o ex-prefeito afirmou que decidiu dedicar-se a seu escritório de advocacia e consultoria ao invés de concorrer a algum cargo público.

AE-AP, Agencia Estado

22 de dezembro de 2009 | 17h27

Ex-candidato presidencial republicano, Giuliani contou que "adoraria concorrer ao governo do Estado ou ao Senado", mas disse se considerar em dívida com os sócios de seus empreendimentos privados. Ele afirmou acreditar que os republicanos têm potencial para escolher um bom candidato para enfrentar a senadora democrata Kirsten Gillibrand em 2010, entre eles o ex-governador George Pataki e o deputado Pete King.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAeleiçõesRudolph GiulianiTV

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.