Giuliani diz que espera outro atentado em Nova York

O prefeito de Nova York, Rudolph Giuliani, disse hoje em entrevista à rede britânica BBC que espera um novo atentado à cidade. "Espero outro ataque, e tento imaginar o que e onde poderia acontecer, se estamos prontos para ele e se fazemos tudo que podemos fazer para nos preparar. Na entrevista, dada ao programa Breakfast With Frost, Giuliani disse que nunca se saberá o número exato de pessoas que morreram no atentado de 11 de setembro contra as torres gêmeas do World Trade Center. Pelo menos 3000 pessoas perderam a vida no atentado, mas Giuliani disse que ?há muitas pessoas das quais não se tem nenhuma informação?. Rudolph Giuliani foi escolhido como ?Personalidade do Ano? pela revista Time, em sua edição deste domingo, por sua resposta imediata e humanitária aos ataques. Os editores da revista escolheram Giuliani porque ?ele tem mais fés em nós que nós mesmos, por ser generoso quando necessário, duro quando adequado e terno sem ser trivial; por não dormir, por não renunciar e por não se acovardar diante da dor que o rodeava?. Segundo o editor da revista, Jim Kelly, a equipe editorial da Times passou horas considerando o nome de Osama bin Laden para o título, mas os conselheiros concluíram que ele é ?um homem muito pequeno para ter o crédito de tudo o que aconteceu nos Estados Unidos no outono de 2001?. A diretora de Comunicações de Giuliani, Sunny Mindel, disse que o prefeito se sentiu ?humildemente que a honra concedida, na verdade, se refere ao povo de Nova York por seu valor e coragem durante o mais terrível ataque contra os Estados Unidos?.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.