GM tem queda de 41% no lucro do 2º tri, para US$ 1,4 bi

A General Motors anunciou hoje que teve lucro líquido atribuído aos acionistas de US$ 1,49 bilhão no segundo trimestre deste ano, 41% menor que o ganho de US$ 2,52 bilhões obtido em igual período do ano passado. Excluindo itens extraordinários, o lucro por ação ficou em US$ 0,90, acima da expectativa dos analistas, de US$ 0,74/ação. A receita recuou para US$ 37,6 bilhões.

AE, Agência Estado

02 de agosto de 2012 | 10h21

"Foi outro trimestre sólido em que tivemos lucro em quatro dos nossos cinco segmentos operacionais", afirmou o diretor financeiro da GM, Daniel Ammann. "Continuamos a enfrentar desafios na Europa e estamos trabalhando nisso", completou.

A divisão europeia da montadora norte-americana teve prejuízo operacional de US$ 361 milhões no período. A GM está reestruturando as operações na Europa, embora a expectativa é que a unidade continue perdendo dinheiro até o fim do ano. A divisão da América do Norte, por outro lado, teve lucro operacional de US$ 1,97 bilhão, ante ganho de US$ 2,25 bilhões no mesmo período de 2011.

Às 9h46 (de Brasília), as ações da GM caíam 0,05%, a US$ 19,65, no pré-mercado de Nova York. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAGeneral Motorsbalanço

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.