"Golpe é a única opção para a Venezuela", diz Pérez

O ex-presidente venezuelano Carlos Andrés Pérez, que manifestou não ter ambições de voltar ao cenário político de seu país, disse hoje que um "golpe militar é a única opção" durante entrevista ao jornal El Diario/La Prensa."A única forma de solucionar a crise na Venezuela é derrubar o presidente Hugo Chávez pelas mãos das forças armadas, ou a possibilidade de que ele passe pela ação da explosão popular, como segunda alternativa", disse Pérez, que presidiu a Venezuela em duas ocasiões.Pérez insistiu ainda não ser "partidário de golpes militares". Mas, segundo ele, não existe outra saída para a Venezuela no momento "porque todas as vias de negociação estão fechadas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.