Golpista centro-africano se declara presidente

O general François Bozizé, que liderou nosábado um golpe militar contra o presidente eleito Ange-Felix Patasse, proclamou-se neste domingo presidente da República Centro-Africana.O militar se aproveitou do fato de Patasse ter viajado para Niamei, a fim de participar de uma cúpula de chefes de Estado africanos. Ele regressava ao país quando recebeu a notícia dogolpe.Seu avião teve de pousar em Camarões. Um porta-voz do general Bozizé pediu à população para "permanecer calma". O golpe foicondenado pelos demais líderes africanos e pela França.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.