Gore doa sobras de campanha para Kerry

O ex-vice-presidente e candidato mais votado nas eleições presidenciais de 2000, Al Gore, disse que doará mais de US$ 6 milhões de seu fundo de campanha presidencial para cinco grupos ligados ao Partido Democrata, com o objetivo de ajudar John Kerry a enfrentar a campanha, segundo Gore ?ultrajante e mentirosa?, de George W. Bush pela reeleição.Embora tenha sido mais votado que Bush no cômputo geral em 2000, Gore perdeu a eleição na Flórida e, com isso, ficou com menos delegados no colégio eleitoral.Pela lei eleitoral americana, Gore não pode doar as sobras de campanha, que estão em uma conta destinada ao pagamento de contadores e advogados eleitorais, diretamente para Kerry, mas pode entregar o dinheiro a obras de caridade ou a comitês partidários que, então, podem dar à verba o destino que quiserem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.