Governador de Connecticut promulga controle de armas

O governador de Connecticut, Dannel P. Malloy, sancionou uma das leis mais restritas para a posse de armas de todo o país, em resposta ao massacre numa escola de Newtown, que deixou 20 crianças e 6 educadores mortos em dezembro.

AE, Agência Estado

04 de abril de 2013 | 14h13

O Estado, onde já era proibida a venda de rifles de assalto, não permitirá o comércio de mais de 100 tipos de armas de fogo, além de impedir também a venda de pentes de munição com grande capacidade, semelhante ao usado pelo atirador Adam Lanza, de 20 anos, que matou 26 pessoas na escola fundamental Sandy Hook.

O governador, que é democrata, sancionou a lei durante uma cerimônia na quinta-feira, horas depois de ela ter sido aprovada pela Assembleia Geral do Estado. Alguns aspectos da nova legislação entram em vigor imediatamente, dentre elas a verificação de antecedentes para todas as vendas de armamentos.

O presidente Barack Obama planeja viajar para Connecticut na segunda-feira, para intensificar a pressão sobre o Congresso para que aprove uma lei federal de controle de armas. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAcontrole de armasConnecticut

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.