Governador de Logar morre em atentado

O governador da Província de Logar, ao sul de Cabul, morreu ontem na explosão de uma bomba na estrada por onde ele passava perto de sua casa, em Paghman. Um porta-voz do Ministério do Interior atribuiu o atentado que matou Abdullah Wardak, seu motorista e mais dois seguranças aos "inimigos do Afeganistão", em referência ao Taleban.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.