Governador do Novo México quer disputar Presidência

O governador do Estado norte-americano do Novo México, democrata Bill Richardson, anunciou no domingo que está dando o primeiro passo para disputar a Presidência dos Estados Unidos em 2008, afirmando que ele tem a experiência necessária para liderar o país. Richardson, 59, seria o primeiro presidente hispânico dos EUA. No programa This Week, da ABC, ele disse que planeja uma campanha que aborde uma série de temas, não apenas a comunidade latina no país. "Não vou me posicionar como um candidato hispânico. Vou me posicionar como um norte-americano orgulhoso de ser hispânico", disse Richardson. Richardson foi membro da Casa dos Representantes dos EUA e embaixador da Organização das Nações Unidas (ONU) e secretário de energia durante a gestão do presidente Bill Clinton. "O próximo presidente terá que ser capaz de tirar os EUA do Iraque, de restaurar a nossa posição internacional, de garantir a independência energética, de melhorar as escolas, de criar empregos... Para conseguir isso, você precisa ter experiência na vida real", disse ele à ABC. Richardson é o último de uma série de democratas anunciando planos para formar um comitê exploratório, que permite aos candidatos levantar recursos de campanha e contratar equipe. No sábado, a senadora de Nova York, Hillary Clinton, ex-primeira-dama, anunciou a intenção de disputar a indicação do partido Democrata para as eleições presidenciais do ano que vem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.