Governador do Texas é candidato à presidência dos EUA

Rick Perry afirmou que quer ser o candidato republicano para tirar Barack Obama

AE, Agência Estado

13 de agosto de 2011 | 18h11

O governador do estado do Texas, Rick Perry, entrou na corrida do Partido Republicano para a presidência dos EUA hoje. Durante uma teleconferência feita a partir de Columbia, na Carolina do Sul, Perry afirmou aos eleitores que quer ser o candidato republicano para tirar Barack Obama do poder e disse: "Eu acredito inteiramente que vou vencer."

Cerca de uma hora depois, Perry detalhou seus princípios em um discurso durante uma conferência conservadora em Charleston, também na Carolina do Sul. Ele afirmou que quer reduzir impostos e livrar os empresários das correntes da regulação para estimular a recuperação da economia norte-americana.

Durante seus três mandatos como governador do Texas, Perry viu aumentarem os empregos em seu estado e trabalhou para manter os impostos baixos. Perry foi um dos primeiros incentivadores do movimento Tea Party e tem apoio de conservadores por causa de sua oposição ao aborto e aos direitos aos gays.

Perry também é um prodigioso arrecadador de recursos que começou a delinear o terreno para uma rede financeira nacional que seus apoiadores dizem que pode ser maior do que a de Obama. O atual presidente dos EUA deverá exceder seu recorde de US$ 750 milhões de 2008.

No entanto, alguns republicanos se preocupam com o extremo conservadorismo de Perry e seu "estilo Texas", que podem não cair bem em uma eleição nacional contra Obama tão pouco tempo depois de seu antecessor no governo texano, George W. Bush, terminar o mandato como presidente com taxas de aprovação negativas históricas em 2009. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAeleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.