Governantes pedem entrada de Sérvia na UE

BÁLCÃS

, O Estado de S.Paulo

26 de outubro de 2010 | 00h00

Os governos europeus enviaram ontem à Comissão Europeia a requisição para que a Sérvia se torne membro da UE. Pedido há mais de um ano, o ingresso do país encontra resistência, porque a Sérvia não reconhece a independência de Kosovo e não prendeu Ratko Mladic, ex-general acusado de participar do massacre de mais de oito mil pessoas em Srebrenica, em 1995. Para a UE, a entrada da Sérvia depende de sua cooperação com o tribunal internacional para crimes na ex-Iugoslávia e do progresso no diálogo com os kosovares.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.