Governistas lideram apuração em eleição local da Grécia

O partido Socialista do atual governo da Grécia aparece com ligeira vantagem no início da apuração dos resultados da eleição local no país. A legitimidade do partido Socialista vem sendo testada novamente em 11 das 13 regiões e cerca de 221 municipalidades que podem ser perdidas para o partido de centro-direita Nova Democracia.

AE, Agência Estado

14 de novembro de 2010 | 19h23

De acordo com o Ministério do Interior e a empresa de pesquisa contratada Singular Logic, com cerca de 20% dos votos apurados os candidatos da situação estavam à frente em 8 das 13 regiões eleitorais da Grécia. No entanto, a disputa em quatro regiões está tão acirrada que o resultado pode mudar a qualquer momento.

Na importante região de Attica, onde vive metade da população grega, o candidato socialista está aumentando a vantagem sobre seu rival conservador para 52,6%. Na segunda maior região, da Macedônia Central, o candidato conservador está, como previsto, prestes a vencer confortavelmente.

Enquanto isso, na maior municipalidade do país, Atenas, região tradicionalmente de domínio dos conservadores, há uma tendência acelerada de mudança para o candidato socialista, que lidera com 51,6%.

As eleições locais ocorrem num momento em que os eleitores estão descontentes. A disputa vem sendo considerada um referendo sobre o governo socialista, que conduz um programa de austeridade fiscal de três anos junto ao Fundo Monetário Internacional (FMI) e à União Europeia, duramente criticado pela oposição. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Gréciaeleiçõesapuração

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.