Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Governo autônomo é ´muito importante´ para norte-irlandeses

O primeiro-ministro do Reino Unido, Tony Blair, disse nesta segunda-feira, 26, que é "um dia muito importante para o povo daIrlanda do Norte, assim como para o povo e a história destas ilhas". O premier elogiou o acordo firmado entre unionistas e republicanos para a formação de um governo de poder compartilhado no Ulster.Em declaração gravada no Parlamento depois que o PartidoDemocrático Unionista (DUP) e o Sinn Féin (SP) chegaram a um acordo para formar um governo autônomo no Ulster a partir de 8 de maio, Blair afirmou que "tudo o que se fez nos últimos dez anos foi uma preparação para este momento".O chefe do governo manifestou sua satisfação com o fato de asduas principais formações políticas da Irlanda do Norte fixarem uma data na reunião desta segunda, que qualificou de "extraordinária"."O povo da Irlanda do Norte se pronunciou por meio das eleições.Disse que quer a paz e um poder compartilhado. E a liderançapolítica saiu depois para dizer que entregará o que o povo quer",afirmou Blair após conversar por telefone com seu colega irlandês,Bertie Ahern.Blair acrescentou que o pacto não significa que osrepublicanos e nacionalistas deixarão de ser republicanos ounacionalistas, ou que os unionistas deixarão de ser unionistas. "O que significa é que se uniram, respeitam os pontos de vista decada um, compartilham o poder e asseguram que a política éexpressada apenas por meios pacíficos e democráticos", disse.O acordo firmado entregará aos norte-irlandeses "o futuroque querem", ressaltou Blair, insistindo em que é "extraordinário"que pessoas tão opostas no passado tenha podido se reunir.Os líderes do DUP e do Sinn Féin, o reverendo Ian Paisley e GerryAdams, respectivamente, realizaram uma reunião histórica, na qual concordaram em formar um governo autônomo de podercompartilhado na Irlanda do Norte a partir de 8 de maio.Os dois políticos chegaram a este acordo no dia em que expirava a data-limite para que os dois partidos formassem uma administração autônoma.O governo de Londres tinha assegurado que suspenderia aAssembléia norte-irlandesa e os salários de seus membros se asorganizações políticas não formassem o Executivo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.