Governo boliviano decreta estado de sítio em Pando

O governo da Bolívia declarou hoje estado de sítio em todo o Departamento (Estado) de Pando, na Amazônia boliviana e perto da fronteira com o Brasil. Segundo a Agência Boliviana de Informação (ABI), o objetivo do estado de sítio é "restabelecer a ordem ante a onda de violência criminosa desencadeada por grupos de paramilitares ao serviço da prefeitura (governo estadual) de Pando".O decreto de número 29705 foi tornado público pelos ministros da Defesa, Walker San Miguel, da Casa Civil, Alfredo Rada, e pelo comando das Forças Armadas e pelo comandante geral da polícia. Ao menos oito pessoas, em sua maioria camponeses partidários do governo do presidente Evo Morales, foram mortas em Pando pelos paramilitares, ontem. A ABI exibiu hoje imagens dos camponeses mortos. O Departamento de Pando é um dos cinco que fazem oposição ao governo de Morales.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.