Governo brasileiro ''lamenta'' atitude dos americanos

Em nota oficial, o governo brasileiro lamentou o veto americano à proposta que "recebeu co-patrocínio de 128 dos 192 membros da ONU". O comunicado reforça que os Estados Unidos foram o único membro do organismo a votar contra a medida. "A solução pacífica da questão da Palestina é possivelmente o objetivo mais importante para a paz e a estabilidade no mundo. Por sua vez, a continuada expansão dos assentamentos israelenses nos territórios palestinos ocupados tornou-se o obstáculo mais grave a progressos concretos nas negociações para uma solução justa e duradoura da questão", registrou Maria Luiza Viotti, embaixadora brasileira na ONU, atual presidente do Conselho de Segurança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.