Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Governo britânico vê enfraquecimento da Al-Qaeda

O ministro do Interior do Reino Unido, Alan Johnson, afirmou hoje que a capacidade de liderança da Al-Qaeda de realizar ataques terroristas foi seriamente afetada. Apesar disso, há, segundo ele, ameaça cada vez maior de grupos ligados à rede terrorista em várias partes do mundo.

AE-AP, Agencia Estado

22 de março de 2010 | 09h55

Johnson disse que houve um aumento na capacidade de grupos vinculados à Al-Qaeda no Iêmen, na Somália e em outras nações. Ele lembrou da tentativa frustrada de ataque em um voo que seguia para Detroit como uma prova da ameaça. O ataque de Detroit, ocorrido em dezembro, "demonstra a crescente e difusa ameaça" do terrorismo, afirmou Johnson.

O Reino Unido anunciou planos para fortalecer suas defesas contra atentados químicos, biológicos, radiológicos e nucleares. O país também abrirá um centro dedicado à segurança marítima, focado, entre outros temas, na pirataria no leste africano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.