Governo criará estatal de medição de audiência

O setor de comunicação do governo de Cristina Kirchner corre contra o tempo para inaugurar antes do fim do ano uma empresa estatal que medirá a audiência das empresas de mídia da Argentina. A nova companhia pretende concorrer com a subsidiária argentina do Instituto Brasileiro de Opinião e Estatística (Ibope) e está sendo criada pela Autoridade Federal de Serviços de Comunicação Audiovisual do país. O diretor do organismo, Gabriel Mariotto, vice-governador eleito da Província de Buenos Aires, alega que é "necessário" um "sistema público de medição" e classifica como "monopólio" a atuação do Ibope no mercado argentino. A nova empresa pública deverá ser a primeira estatal de medição de audiência do mundo. Analistas consideram que a criação dessa companhia deve se tornar um capítulo adicional da disputa de Cristina com os meios de comunicação. / A.P.

O Estado de S.Paulo

23 de novembro de 2011 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.