AFP PHOTO/Karam Al-Masri
AFP PHOTO/Karam Al-Masri

Governo e oposição estabeleceram novo acordo de cessar-fogo em Alepo, diz agência de notícias turca

Decisão ainda não foi confirmada oficialmente por Damasco; fontes de inteligência disseram que pacto foi estabelecido após conversas entre Turquia e Rússia

O Estado de S.Paulo

15 Dezembro 2016 | 08h27

ISTAMBUL, TURQUIA - O governo da Síria e as forças de oposição estabeleceram um novo acordo de cessar-fogo no leste de Alepo na madrugada desta quinta-feira, 15, que permitirá aos civis abandonar imediatamente a área por meio de ônibus, informaram fontes de inteligência turcas e chefes rebeldes à agência de notícias Anadolu.

O cessar-fogo, que ainda não foi confirmado oficialmente pelo governo de Damasco, entrou em vigor à 1h local, segundo comandantes da oposição citados pela agência e que pediram anonimato.

Fontes de inteligência turcas disseram à agência que o acordo foi estabelecido após conversas entre Turquia e Rússia, países fiadores da oposição e do regime sírio, respectivamente. A expectativa é que os moradores da área sitiada cheguem em Idlib, no sudoeste de Alepo e controlada pelas forças de oposição.

Na quarta-feira, o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, falou com o líder russo, Vladimir Putin, e concordaram com a necessidade de evitar a violação do cessar-fogo em Alepo e da retirada da população civil, segundo a própria agência. / REUTERS e EFE

Mais conteúdo sobre:
Bashar Al Assad Guerra Civil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.