Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Governo do Tibete no exílio eleva o número de mortos em protestos

16 pessoas já morreram desde que os protestos contra o domínio chinês no Tibete

AE-AP,

21 de março de 2008 | 04h58

O porta-voz do governo do Tibete no exílio, Thuten Samphel, disse que 19 tibetanos morreram na província chinesa de Gansu nos últimos dias após os protestos contra o governo de Pequim, elevando o total de mortos na região para 99.  As informações foram divulgadas nesta sexta-feira, mas Samphel não deu detalhes sobre como essas mortes ocorreram. Segundo o governo de Pequim, 16 pessoas já morreram desde que os protestos contra o domínio chinês no Tibete tiveram início, semana passada.

Tudo o que sabemos sobre:
TIBETE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.