Governo dos EUA pode aumentar ajuda à Colômbia

Os principais integrantes da área de segurança do governo dos EUA terão uma reunião nesta semana para discutir como ajudar as Forças Armadas colombianas no combate aos guerrilheiros das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia). A informação é de um alto funcionário norte-americano. Segundo ele, participarão da reunião o secretário de Estado, Colin Powell, o da Defesa, Donald Rumsfeld, e o diretor da CIA, George Tenet, entre outros. O funcionário também disse que há limites à ajuda militar que os EUA podem dar, porque a lei norte-americana prevê a concessão de ajuda apenas para o combate ao narcotráfico. Ele ressalvou que há sinais de que o Congresso dos EUA poderia apoiar maior flexibilidade nessa área. Na semana passada, os EUA anunciaram a concessão de mais US$ 100 milhões em ajuda à Colômbia, para proteger da guerrilha um oleoduto da norte-americana Occidental Petroleum.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.