Governo ignora pedido dos EUA para expulsar diplomatas iraquianos

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, afirmou hoje, por meio de porta-voz, que não vai considerar o pedido dos Estados Unidos para que todos os países expulsem os diplomatas iraquianos. O Itamaraty não confirmou se recebeu um pedido formal da embaixada americana para que os diplomatas sejam expulsos do Brasil, mas disse que teve conhecimento do pedido. Já a embaixada americana confirmou que houve uma determinação do governo dos EUA para que todas as embaixadas solicitassem a medida contra os diplomatas iraquiano nos países que em estão instaladas. Mas não confirmou se já fez uma solicitação formal ao Itamaraty.Veja o índice de notícias sobre o Governo Lula-Os primeiros 100 dias e os MinistériosVeja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.